Thrash com H

10 ANOX DEPOIS…

domingo, 6 junho, 2021 por Txuca

… o q ficou?

4 respostas

  1. André

    Considerando que é o Morbid Angel, é decepcionante. Ainda mais depois de tanto tempo. Tem uma música chamada Radikult, algo assim, que é inacreditável. É o tipo de banda que vive numa bolha e perdeu um pouco de contato com a realidade. Se eles acham que estavam inovando ou chocando alguém com isso, eles se engaram feio. Mas, o disco não chega a ser ruim. Só é inferior a quase tudo que eles fizeram.

  2. märZ

    Nunca fui exatamente fã de Morbid Angel, só tenho e curto o primeiro. Quando esse saiu, achei legal. Não comprei na época e hoje não acho mais.

  3. Tiago Rolim

    Até o escutei depois de um tempo p dar opinião mais fresca. Gosto dele. Ambicioso e cômico ao.mesmo tempo. E meio que óbvio também. Trey sempre foi fã de tecnologias, o galego tava na banda de industrial com a esposa, o batera demoníaco encontrou Deus. Tinha que sair algo assim, ainda mais com batera eletrônica.

    Ficou um disco massa, melhor que os seguintes do alfabeto mórbido. Ficou ainda um disco de remixes. Muito legal, apesar de longo. É duplo. Mas, se filtrar os melhores remixes daria um simples espetacular.

    E o mais importante, ficou um vídeo clássico de Tru retardado, desculpe a redundância, queimando a edição de luxo desse disco em revolta pela guinada sonora kkkkk KKK. Deve ter no YouTube.

  4. Marco Txuca

    Eu gosto demais desse disco, desde q saiu e eu logo comprei. Pq tem essa veia “cômica”, sim. Tipo Darkthrone (não só o recente, quando “mudaram”), a gente não sabe se estão falando sério ou se divertindo e zoando com a nossa cara.

    Tvz o caso clássico de “o gato e o Quico” ahah

    “Illvd Divinvm Insanvs” é ruim e é parodico, auto irônico, zoado e zoeiro. O legítimo álbum tr00, q os tr00 obviamente não gostaram. Mas refletindo uma banda q quis se reinventar e q os fãs não “autorizaram”.

    Pra mim, deveriam ter mantido essa pegada “pouco se fodendo pra fã”, q é o q o “fã” deseja. Até a página 2.

    Comparo esse fã ao bostonarista q pede AI 5 na rua cantando Geraldo Vandré e depois reclama da falta de “direitos humanos” quando um de seus vai em cana. Divagações à parte.

    Depois colo a resenha q fiz deste lá no colecionadores, e q pretendo reprisar semana q vem no Instagram.

    Fora tudo isso, acho q é o único disco da banda q consigo ouvir inteiro.

Comente este texto

Importante: Os comentários são moderados e por isso o seu pode demorar a aparecer. Não é preciso reenviar seu texto.