Thrash com H

UM ANO DEPO1S…

domingo, 21 fevereiro, 2021 por Txuca

… o q “ficaram”?

10 respostas

  1. märZ

    D&W nada sei, nunca curti. Ozzy baixei e ouvi 2 vezes somente, mas não me tocou. Sem inspiração, irrelevante e as músicas com participações de rappers achei equivocadas (me lembrou o Sabbath com “Forbidden”). Artista que claramente já chegou ao fim e não é de hoje, não espero nada dele há séculos. Pode até proporcionar um show ainda divertido, mas fica nisso. Último trabalho contundente, e o único nos últimos 20 anos, foi o “13”.

  2. André

    O mesmo que o Marz. Nunca ouvi D&W. O disco do Ozzy é fraco. A inspiração foi embora. Só serve pra neófito e quem não tem referência de som do Madman. Nem sei dizer qual foi o último hit dele.

  3. FC

    Ficou o xilindró.

  4. Marco Txuca

    Perfeito, FC.

    E eu diria ainda outra coisa: a hora em q o sujeito sair da prisão e quiser remontar o projeto, poderia renomear com outro epíteto nerd: Dungeons & Dragons ahah

    Quanto ao Ozzy, reforço os amigos.

    Mas ficou alguma comoção quando saiu (lembro de muita gente sinceramente tocada pelo dueto com Elton John), alguma expectativa prévia com relação à “banda” q faria parte do disco… e q em nada deu. Apenas músicos de bandas conhecidas q ganharam algum pra fazer alguma coisa.

    O lance com rappers, e mesmo a participação de Elton John, parece a adequação ao zeitgeist atual VH1/MTV de “featuring”: “Coldplay Featuring Rihanna”, “Justin Bieber Feat. Eminem”, “tiozão do Osbournes feat. rapper em ascensão”… Bah

    E ficou tb, como citou o Tiago aqui outro dia, mais um disco q ñ saiu nacional – como tb os AC/DC e Rammstein recentes – como estratégia mercadológica bisonha pra fã comprar importado e bem mais caro.

  5. André

    Não tem mais nada a dizer, infelizmente. Coisa pra neófito. E, a maioria das músicas ficará no limbo pois ele jamais as cantará ao vivo.

  6. Tiago Rolim

    O de Ozzy ficou nada. Só a vontade que seja o último dele. Ele.nao merece essas vergonhas. Mas, já se tem notícia que ele tá gravando mais um com o mesmo guitarrista/ produtor…

    O outro sei lá eu… a cadeia????

    Quanto ao fato dele não sair nacional… se acostumem com isso. A Sony fechou na América lat(r)ina inteira. Vai ser cada vez mais normal discos não sairem nacionais. Novos do Pearl Jam, Deftones… Só gringo. A universal lança só o que quer. E cada vez menos. Uma pena.

  7. Thiago

    märZ definiu à perfeição o disco do Ozzy. Serei o primeiro a comentar o Demons & Wizards. Trata-se do pior disco da horda: Hansi Kürsch cantando muito, mas a seção instrumental, especialmente as guitarras, são preguiçosas e macilentas – talvez o responsável estivesse com preocupações maiores em mente.

  8. märZ

    Eu curti a música com Elton John, divulgada antes do album final, acho que é uma das melhores canções do Ozzy solo dos últimos 20 anos. Mas o restante do disco não acompanhou.

    A Sony ainda fabrica e lança cds na Argentina e Chile, e são os importados mais em conta na hora de adquirir esses albuns que não saem mais aqui. Ozzy e AC/DC saem a 60 reais em média. Se for comprar americano, o dobro.

  9. Marco Txuca

    Pra responder (perguntando) ao André: último hit, hit mesmo, do Ozzy, ñ teria sido “Perry Mason”?

    1995.

  10. André

    Talvez. E, ele quase nem toca essa música ou tô enganado. Arrisco a dizer que o último hit foi Dreamer do Down To Earth.

Comente este texto

Importante: Os comentários são moderados e por isso o seu pode demorar a aparecer. Não é preciso reenviar seu texto.