Thrash com H

25 ANOS DEPOIS…

quinta-feira, 21 agosto, 2014 por Txuca

rei diamante

… o q ficou?

7 respostas

  1. märZ

    Acho que nunca ouvi esse album.

  2. Colli

    Comecei a gostar do som do King Diamond no Them. Acho o melhor álbum lançado na carreira solo dele.

    Quanto a esse acho um álbum mediano. Não ficou muita coisa.

  3. doggma

    Também não ouvi. E pelo que vejo em sites e blogs metálicos, não é muito lembrado. Acho que não deve rolar turnê comemorativa.

  4. Jessiê

    Conspiracy é a continuação de Them. King foi mandado para o hospício pelo Doutor Landau e a partir de lá começa em At the graves. Continua com a excelente formação, guitarras muito trabalhadas, quebradas de ritmo, harmônicos, tudo que de melhor a banda cria e faz.
    Ficou mais um ótimo álbum conceitual, interessantíssimo de se acompanhar as letras desde Them.
    Ficaram as ótimas construções de guitarra do espetacular Andy LaRocque e Pete Blakk (vide Sleepless nights, Lies, A visit from the dead) e o desempenho soberbo de Mikkey Dee.
    è um álbum inferior a Them mas é assustador a construção musical das músicas, extremamente bem casadas com os ápices da estória e vocal de King. Andy e Mikkey são muito bons e estavam muito criativos.
    ficaram as variações e quebradas de ritmo e harmonia que poucos fazem com tanta competência e inspiração.

  5. Jessiê

    O clip de “Sleepless night” http://www.youtube.com/watch?v=PwYS5rOf4Nc
    “A visit from the dead” http://www.youtube.com/watch?v=PwYS5rOf4Nc e a ótima “Amon belongs to them” http://www.youtube.com/watch?v=rQbupj5klUM para quem quer uma palhinha do que tem no álbum.

  6. Marco Txuca

    Gosto mais dele q de “Abigail” e “Them”. Sabia q era uma continuação, mas minha versão ñ tem encarte.

    Ao mesmo tempo, continuo neófito em King Diamond e Mercyful Fate: adquiri praticamente tudo, mas ñ é coisa q consigo ouvir sem “estar no clima”. Explico: ouvir os vocais do cara tem q ter algum preparo… Ou despreparo emocional.

  7. Jessiê

    King Diamond é pra se ouvir com letras em mãos o vocal acompanha a estória, as vezes vozes de mulher, outra de espíritos, senhoras e por aí vai. Viajar nas guitarras. De fato tem todo um clima. O The eye é muito legal. O Conspiracy é muito subestimado por ter tido uma divulgação pequena e ter demorado a sair aqui, quem curte mais são os iniciados. Eu acho o Andy um monstro.

Comente este texto

Importante: Os comentários são moderados e por isso o seu pode demorar a aparecer. Não é preciso reenviar seu texto.