Thrash com H

PIOR DE CADA ÁLBUM

domingo, 25 novembro, 2012 por Txuca

Vejamos se rende…

Regras duas: 1) poder empatar 2 sons em 3 álbuns, no máximo; 2) dizer “ñ tem” em no máximo 3 álbuns

Pra mim

“We Care A Lot” – “The Jungle” e “Jim”
“Introduce Yourself” – “Death March”
“The Real Thing” – “The Morning After” e “Underwater Love”
“Live At the Brixton Academy” – “Falling to Pieces”
“Angel Dust” – “Smaller And Smaller” e “Be Aggressive”
“King For A Day, Fool For A Lifetime” – “Star A.D.”, menos legal
“Album Of the Year” – “Pristina”, menos legal
do cd de inéditas em “The Very Best Definitive Ultimate Greatest Hits Collection” – “Hippie Jam Song”

+

QUESTÕES PERIFÉRICAS:

  • Mike Patton ou Chuck Mosely? ALGUÉM Q PREFIRA MOSELY CREIO SER ESTUDO DE CASO
  • Jim Martin saído fez falta? MEIO Q NINGUÉM REPAROU, MAS COM MAIS PALHETADAS OS SONS SEM ELE TERIAM ALGUM ACRÉSCIMO
  • melhor balada: ZOMBIE EATERS
  • melhor faixa-título: INTRODUCE YOURSELF
  • melhor cover: WAR PIGS (do “Brixton Academy”)
  • pior cover: I STARTED A JOKE
  • melhor projeto outro do Patton: FANTÔMAS
  • diagnostique Mike Patton: DOIDO DE PEDRA
  • melhor álbum: KING FOR A DAY, FOOL FOR A LIFETIME
  • pior álbum: WE CARE A LOT

melhor formação: Patton, Martin, Gould, Bottum, Bordin
pior formação: Mosely, Martin, Gould, Bottum, Bordin

3 melhores videoclipes: “Last Cup Of Sorrow”, “Epic” e “Diggin’ the Grave”
3 piores videoclipes: “I Started A Joke”, “Stripsearch” e “Evidence”

duas melhores capas: “The Real Thing” e “Introduce Yourself” (sem convicção)
duas piores capas: “Angel Dust” e “We Care A Lot”

10 respostas

  1. Rodrigo Gomes

    Limitando-me às Questões Periféricas Outras:

    Mike Patton ou Chuck Mosely? Patton.
    Jim Martin saído fez falta? Musicalmente eu não sei, mas pelo visual com certeza. Puta cara estranho.
    melhor balada: Take This Bottle
    melhor faixa-título: We Care A Lot
    melhor cover: não sei.
    pior cover: não sei.
    melhor projeto outro do Patton: nenhum.
    diagnostique Mike Patton: idiota.
    melhor álbum: empate técnico entre o The Real Thing e o King For a Day… mas pra não “murar”, vou de The Ring Thing.
    pior álbum: Angel Dust (não tenho os dois primeiros)

  2. Rodrigo Gomes

    *The REAL Thing.

  3. Rodrigo Gomes

    Sugestão de pauta pra ranking numa dessas segundas vindouras é um com bandas com nomes de cidades/estados/países/continentes. Acho que nunca foi feito aqui neste espaço. Esperando o deferimento do comandante-em-chefe deste valoroso site/blog, despeço-me.

  4. doggma

    “We Care A Lot” – “Jim”
    “Introduce Yourself” – “Spirit”
    “The Real Thing” – ñ tem
    “Live At the Brixton Academy” – ñ tem
    “Angel Dust” – “Crack Hitler”
    “King For A Day, Fool For A Lifetime” – “The Last to Know”
    “Album Of the Year” – “Pristina”
    do cd de inéditas em “The Very Best Definitive Ultimate Greatest Hits Collection” – “Das Schutzenfest”

    +

    QUESTÕES PERIFÉRICAS:
    Mike Patton ou Chuck Mosely? Rapaz, pior que gosto do vocal de negão chumbado de crack do Mosely, mas sim, prefiro o Patton (passei raspando no teste psicotécnico TCH!).
    Jim Martin saído fez falta? Pra mim fez, e muita. Tanto que tive sérios problemas em “ir” aos lançamentos posteriores. As influências de Sabbath e thrash metal que residiam nas cordas daquele estranho neanderthal, como eu suspeitava, jamais seriam restituídas.
    melhor balada: “The Crab Song”
    melhor faixa-título: “The Real Thing”
    melhor cover: WAR PIGS (do “Brixton Academy”)
    pior cover: “Let’s Lynch the Landlord”
    melhor projeto outro do Patton: Peeping Tom
    diagnostique Mike Patton: DOIDO DE PEDRA, mas sabe canalizar isso como poucos.
    melhor álbum: “The Real Thing”
    pior álbum: WE CARE A LOT, não por achar ruim, mas pelo mix sonoro ainda em seu estágio básico. Idem para a produção.

    melhor formação: Patton, Martin, Gould, Bottum, Bordin
    pior formação: Patton, Jon Hudson, Gould, Bottum, Bordin

    3 melhores videoclipes: “Last Cup Of Sorrow”, “Epic” e “Another Body Murdered”
    3 piores videoclipes: “Stripsearch” e “Surprise! You’re Dead” só.

    duas melhores capas: “The Real Thing” (versão LP) e “Live at the Brixton Academy” (sem convicção) (na verdade, boa parte das capas foi coisa da gravadora, segundo Jim Martin – http://whiplash.net/materias/news_833/167653-faithnomore.html)
    duas piores capas: “Angel Dust” e “We Care A Lot”

  5. Marco Txuca

    doggmático: farei post no Exílio Rock esta semana sobre “The Crab Song” e a canalização “como poucos” da doideira de pedra pattoniana…

    Rodrigo: a idéia é citar tudo misturado? Tipo Asia, Europe, Kansas, New York Against Belzebu etc., ou separado por PAÍS, CIDADE, CONTINENTE etc.??

  6. doggma

    Opa, conferirei com certeza.

  7. FC

    “We Care A Lot” – “Jim”
    “Introduce Yourself” – “Spirit”
    “The Real Thing” – “Edge of the World”, embora ache a versão da Brixton Academy animal
    “Live At the Brixton Academy” – “Falling to Pieces”
    “Angel Dust” – “Cowboy Song”
    “King For A Day, Fool For A Lifetime” – “Star A.D.”, menos legal
    “Album Of the Year” – “Pristina”
    do cd de inéditas em “The Very Best Definitive Ultimate Greatest Hits Collection” – não cheguei a ouvir

    +

    QUESTÕES PERIFÉRICAS:

    Mike Patton ou Chuck Mosely? Patton
    Jim Martin saído fez falta? Sim
    melhor balada: Zombie Eaters
    melhor faixa-título: The Real Thing
    melhor cover: WAR PIGS (do “Brixton Academy”)
    pior cover: I STARTED A JOKE
    melhor projeto outro do Patton: acho todos meio chatos. Muito avançados pra mim
    diagnostique Mike Patton: come merda
    melhor álbum: The Real Thing e Angel Dust
    pior álbum: WE CARE A LOT

    melhor formação: Patton, Martin, Gould, Bottum, Bordin
    pior formação: formação do King for a Day

    3 melhores videoclipes: “Epic”, “Falling to Pieces” e “Everything’s Ruined”
    3 piores videoclipes: “Surprise, You’re Dead”, “Stripsearch” e “Diggin the Grave”

    duas melhores capas: “Angel Dust” e “Brixton Academy”duas piores capas: “Introduce Yourself” e “We Care A Lot”

  8. Rodrigo Gomes

    Sim, tudo misturado.

  9. Marco Txuca

    doggmático: próxima 5ª feira, a partir de meia-noite e 5, lá no Exílio Rock, o post pattoniano.

    FC: vá atrás dessas inéditas da coletênea, o 2º cd. Tem até som em alemão.

  10. FC

    É aquela Das Schutzenfest? Essa eu ouvi no single “Songs to Make Love to”, mas vou atrás da coletânea para ouvir as outras.

Comente este texto

Importante: Os comentários são moderados e por isso o seu pode demorar a aparecer. Não é preciso reenviar seu texto.