Thrash com H

HUNTRESS

quarta-feira, 25 janeiro, 2012 por Txuca

Acho q na qualidade (modo de dizer) de editor-chefe por aqui, posso usurpar da pauta do amigo Marcio Baron, q este ano ainda ñ deu as caras por aqui…

Sei lá de onde vem essa banda, só q foi postada com entusiasmo no Facebook pelo capixaba blasfemo Those (q há tempos tb ñ dá as caras aqui) e me parece digna de discussões. Controvérsias.

Opinei por lá algumas coisas – algumas azedas – q guardo por ora.

“Caçadora”? Q tal o material?

16 respostas

  1. Fabio Colli

    Também comentei por lá e repito por aqui. Vi esse vídeo há algum tempo e apesar de gostar não tive “coragem” suficiente para baixar o álbum todo e ouvir. VOu esperar o pessoa comentar por aqui.
    Essa música é foda mesmo. Vocalista Idem em todos os sentidos.

  2. Louie Cyfer

    Banda mediana, chama mais atenção por causa da muié q é gostosa…
    baixar o disco acho q não rola, quem sabe uma edição da sexy se um dia a vocal se “despir de seus pudores”…

  3. marZ

    A banda é legal e o fato de ter uma vocalista loira gostosa de maiô no clip ajuda muito na divulgação. Vou tentar baixar pra ver no que dá.

    Ah, e ela pode me “caçar” quando quiser.

  4. marZ

    Ao que parece, não há o que baixar. A banda é nova e seu debut está marcado pra ser lançado em abril/maio desse ano.

    Achei que fossem europeus, mas na verdade são californianos. Não tem como não se apaixonar por figura de tão singela beleza:

    http://media.paperblog.fr/i/520/5206619/metal-girl-jill-janus-L-Lxz8kt.jpeg

  5. doggma

    Achei a banda competente, apesar de meio genérica. Poderia ser a nova encarnação do Chastain, por exemplo.

    E mais uma frontwoman cavala pra coleção… muito embora a Julie Westlake, do Hydrogyn, continue à frente!

  6. Jessiê

    Da moça to dentro, do poserismo, cards, rpgs e afins tô fora… Som igual a centenas de milhares por aí. Não me bateu nada haver mas prefiro a orda da Angela.

  7. Marco Txuca

    Todo mundo acusando a mão cabeluda! ahah

    Mas vou na crítica: banda genérica, musicalmente a moça nem faz diferença. E eu DUVIDO q berre assim ao vivo; se é q tocam ao vivo. Montes de solos estéreis, música genérica e nada a ver. Ñ beira nem o shreddismo, como aparentemente querem.

    Maior cheiro de BANDA ARMADA, o q acabo meio constatando pesquisando no Metal Archieves: constam lá uma demo e um ep – sem q a formação da banda, provavelmente sem a guria, esteja descrita – e os integrantes (os caras) eram todos duma banda chamada Trigger Renegade (q deu em muito pouco), daí mudou o nome pra Professor, q tem duas demos na trajetória e são descritos como tendo colocado a banda “no gelo” (“on hold”) – fora tirarem o baixista o baterista fora – pra se dedicarem ao “projeto” Huntress.

    Ficha da tetéia, na banda chamada Jill Janus:

    “De acordo com várias fontes, Jill Janus é tb uma vocalista treinada em ópera, canta em “Under the Cover” junto de Dave Navaro do Jane’s Addiction, já foi modelo (capa?) da Playboy, atua como DJ e toca no Chelsea Girls com Samantha Maloney (e na maior parte de tais projetos, ela é conhecida tanto como Tuesda ou como Penelope Tuesdae)”.

    http://www.metal-archives.com/artists/Tuesdae/99650

    http://www.metal-archives.com/bands/Huntress/114837

    Ñ parece ficha de mina celebridade ou atriz pornô?

    O clipe parece coisa de produtor/empresário q andou vendo clipes europeus de heavy metal (Nightwish, Leave’s Eyes etc.) e resolveu fazer igual. Tão igual quanto a semelhança razoável com o clipe de “I Can” (Helloween).

    Ñ assisto mais mtv há uma cara, mas periga ser banda q esteja, ou estará, naquele top 10 deles.

  8. Marco Txuca

    Ñ conheço Hydrogyn (vou pesquisar!), mas replico a impressão de q Wendy O Williams, estivesse viva, pegaria esta aqui, a Angela e quem quer mais q seja e as faria lavar suas calcinhas ahah

    E no tanque, sem máquina de lavar.

  9. Faça

    O clipe é bacana, mais legal que a música mesmo. E a mina vocalista também, que é a única coisa que realmente chama a atenção na banda, por razões óbvias, é claro…

    Se não me engano, já tinha até ouvido falar dessa banda aí em algum lugar, mas só agora parei pra conferir também. E assim como praticamente todos por aqui, também não vi nada demais no som, coisa que se talvez se eu tivesse no máximo uns 16 anos acharia “legal” e nada mais.

  10. Marco Txuca

    Se eu tivesse 16 anos, com um clipe desses, estaria agora na cama dum hospital, tomando soro! ahah

    (e com a mão doendo, sem nem conseguir postar do notebook ahah)

  11. Faça

    Huhaeuahea, verdade Txuca, acho que muito marmanjo estaria nesse exato estado também. xD

  12. Tiago Rolim

    Que bosta é essa!?!?
    Sacando a nega gostosa, não sobra nem uma lembrança ruim de ter ouvido a música…

  13. doggma

    Off-topic: aê Txuca, saca esse som:

    http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=6tt_qHoi19Q

    Merecia ou não um lugar naquele CD da Placar?

  14. Marco Txuca

    Ñ só merecia – Toni Garrido e Virna Lisi de cu é rola!! – como engole todos aqueles hinos tocados toscamente.

    E digo mais: se o caipira ali resolvesse colocar o áudio no vídeo da “Caçadora” aí, multidões rumariam pra Piracicaba torcer pro XV – “crá! crá! crá”

  15. Jessiê

    Muito legal! Futebol alternativo tudo de bom. Txuca vc que já frequentou os estadios aí rola essa música (seja em que versão for) em Piracicaba? Muito legal. Bairrismo e regionalidade é digna de orgulho em qualquer lugar.

  16. Marco Txuca

    Cara, faço nem idéia. Fui pra Piracicaba duas vezes só, e pra tocar. Conheci o bar e o “Lanche do Gordo”, onde comemos ao sair da cidade!

    Freqüentador de estádios tb nem sou: a última vez em q fui a estádio ver meu time (Corinthians), o Neto ainda jogava. Foi o famigerado jogo em q ele foi expulso e escarrou na cara do juiz.

    Tem uns 20 anos isso?

    Fui 3 vezes em jogos depois, mas do Palmeiras: um, pra levar uma tia (tempos do Felipão 1ª vez), outros 2, pra acompanhar pacientes palmeirenses.

    Agora, isso do bairrismo e regionalidade, sei q tem MUITO aqui no interior de São Paulo, q é o real público-alvo ao qual o Campeonato Paulista deveria se interessar.

    Teve matéria na ESPN Brasil agora à noite falando do clássico ribeirão-pretano, Comercial 2 X 1 Botafogo, q ñ se enfrentavam por 1ª divisão há 26 anos. E o depoimento dos torcedores, trues, era esse: dane-se o resto do campeonato (sabem q os respectivos times darão em nada), meu time ganhar do rival já vai valer o ano! eheh

Comente este texto

Importante: Os comentários são moderados e por isso o seu pode demorar a aparecer. Não é preciso reenviar seu texto.