Thrash com H

RECONQUERING THE GAME OF THRONES?

quinta-feira, 26 janeiro, 2017 por Txuca

Sai amanhã. Provavelmente já “vazou” o tal “Gods Of Violence”.

Ñ consegui formar impressão ainda, com base na faixa-título acima. Mas acho interessante q molecada fã do seriado eventualmente possa se tornar fã de Kreator ahah

****

E fico imaginando um grupo de whats contendo Mille Petrozza, Schmier e Tom Angelripper:

– E ae, galera?
– Ae!
– Seguinte: estamos querendo usar “violence” no título do novo disco. Algum de vcs andou usando?
– Pode usar. Já usamos “torture” e “war” recentemente. Ñ pega nada.
– Daqui andamos usando “attack”“genocide”. Vai fundo, irmão. Mas vcs ñ andaram usando “god” recentemente?
– (…)

3 respostas

  1. Colli

    hahahhahaha. Essa do whats foi foda!!

    Cara… O Kreator das bandas alemãs, é a única que está sempre fazendo coisas boas com constância e consistência.

    Tirando o Endorama que não sou muito fão do álbum, não tem tem álbum ruim. Todas as investidas deles fora do thrash, saíram coisas boas… muito boas. Dentro do thrash nem se fala.

    Mas não entendi, vai ser tema do Game Of Thrones? Não quase nenhuma série. Não tenho muito saco não. A única que assisto é Máquina Mortífera.

  2. FC

    Lembrou Arch Enemy.

  3. Marco Txuca

    Kreator vem archenemizando o som desde “Hordes Of Chaos”. Ñ gosto da abordagem. Por outro lado, entendo como razão de sobrevivência, afinal o vocal do Mille ñ tem mais pra onde ir.

    A ñ ser q baixassem ainda mais a afinação e virassem um deathão indômito.

    O q dá pra apostar, apesar dos senões e das piadas, é no teor de letras sempre afiado. Mille sempre foi um dos maiores LETRISTAS, ñ só no thrash mas no heavy metal em geral, e acho q pouca gente valoriza isso ainda hj em dia.

Comente este texto

Importante: Os comentários são moderados e por isso o seu pode demorar a aparecer. Não é preciso reenviar seu texto.